quarta-feira, 30 de maio de 2012

os governantes espanhois tentaram, mas embateram nos preconceitos ideológicos do BCE. os portugueses nem isso... aqui

3 comentários:

sb disse...

este pandemónio de estratégias contabilísticas só dá mesmo para rir. a seriedade com que, pelos vistos, conseguem argumentar sobre os tipos de financiamento, se é directo, indirecto ou por vias laterais faz transparecer que existe uma ética qualquer no funcionamento do BCE, FEEF e afins. e existe. a aparente ausência dela é, já em si, uma.

portanto, passando estes flic-flacs com mortal encarpado à direita seguido de moinho a chuchar no dedo e saída em triplo mortal com recepção a dois pés da nova modalidade olímpica a estrear este ano - corda em improviso - os santos são daqui a umas semanas. alguém vem cá?

Zé Miguel disse...

infelizmente nao, mas tenho na agenda uma ida a pt em julho com paragem em gradiz armado com gadanha

sb disse...

raios! em julho não estarei cá. quer dizer, estarei na primeira semana, mas preso a lisboa.

mas a ideia de nos armarmos com gadanha fica registada. iniciamos ali daqui a uns tempos um retiro cooperativo?