quarta-feira, 9 de novembro de 2011

notas para a narrativa maior - um xanax, por favor

(aqui deveria surgir o cartaz publicitário - o das paragens de autocarro - da exposição na gulbenkian: a perspectiva das coisas, natureza-morta. não o consegui encontrar. fica o apontamento.)

Sem comentários: