sexta-feira, 19 de outubro de 2007

O povo é quem mais ordena...!

"José Sócrates anunciou ainda que nos próximos meses será discutida a criação de “um grupo de sábios” para analisar as prioridades da Europa face aos novos desafios, devendo o seu mandato ser decidido na cimeira de Bruxelas. Segundo o Presidente francês, Nicolas Sarkozy, o grupo de sábios terá entre “dez a doze membros” e irá reflectir sobre “o futuro da Europa” e “o seu lugar na globalização”, não havendo qualquer intenção de “reabrir o debate institucional”. (Público)

(Ora cá está... Os sábios pois então...estaremos incluídos?)

«A partir de agora, há uma cláusula que diz que se um país não estiver satisfeito pode ir embora. Se Portugal, ou os franceses ou os holandeses, não estiverem satisfeitos com este tratado, podem-se ir embora, podem abandonar a União Europeia.»,RTP-N

(Nem tudo é mau...podemos sempre fazer as malas...belo par acção-reacção)

"Uma larga maioria dos eleitores dos cinco maiores países da União Europeia - Alemanha, França, Reino Unido, Espanha e Itália - defende um referendo ao novo Tratado europeu, revela uma sondagem divulgada hoje pelo jornal diário “Financial Times”.(Público)

(eu cá prefiro as sondagens do Correio da Manhã e os referendos sobre o Aborto...fazem-me mais feliz)

Pois é meus caros!!!..cá entramos nós em acção (sim aqui trabalhamos com acção...reacção é nos tubos de ensaio).Enquanto deambulamos pelas ruas desta "nova" europa (sim com letra pequena) cá teremos nós que dar o humilde contributo.Da Antropologia à Economia,do Jornalismo à Medicina, do Direito à Engenharia. Eu cá vou começar por tentar encontrar o tratado em pdf (não é que seja preciso,aliás até é o menos importante...mas vá!).

Entretanto e a propósito de sábios,estava-me mesmo a apetecer:

1. Criar um ficheiro qualquer (word, excel);
2. Guardá-lo com o nome "José Sócrates";
3. Enviá-lo para a reciclagem;
4. Clicar em "Esvaziar Reciclagem"
5. Aparece uma mensagem de confirmação no ecrã, com a seguinte pergunta:
"Deseja eliminar "José Sócrates"?"
6. Responder: "SIM".
Não serve de nada, mas alegra o dia...

Sem comentários: